OS- Instalando Arch Linux no Raspberry pi 2 & 3- Guia iniciante básico – parte II.

Arch no Rasp

 

Opa , tudo bacana ai? Minhas queridas amigas e amigos !!!

Hoje vamos continuar fazendo a instalação do Arch Linux no Raspberry Pi 2 & 3, caso tenha perdido o primeiro post, esta AQUI.

Como devem ter percebido o Arch Linux é meio cru e devemos dar um trato, uma gariba, um embelezamento na fera, para que possamos usufrir totalmente de seu poder.

Inicialmente vamos começar com configurações básicas do Arch Linux no Raspberry Pi 2 & 3.

1- Segurança em primeiro lugar.

Façam o login com o usuário root , senha root e mudem a senha com o seguinte comando

\> passwd  – O Arch vai pedir a senha do root e depois você coloca a nova senha e pronto.

2- Conectando-se ao raspberry pi via conexão SSH.

\> ssh [email protected]endereço ip do raspberry pi  – vai pedir a senha você digita e pronto esta usando

3- Editando o arquivo motd

Esse arquivo é o cartão de vista de sua conexão SSH ou seja toda vez que acessar seu RaspArch via ssh irá aparecer um texto e informações que podem ser totalmente personalizadas, particularmente eu sempre apago ou diminuo bastante o tamanho desse arquivo. mas como gosto não se discute você pode dar uma personalizada no mesmo com um shell script e dar uma embelezada com uma ASCII ART.

motd-ascii

    \> nano /etc/motd  – faça as alterações que achar necessário , pode por exemplo fazer tudo que esta nesse LINK.

4- Atualizando o Arch Linux e fazendo update no sistema.

     \> pacman -Syyuu – O pacman é o nosso famoso instalador de pacotes com ele você pode fazer tudo meus amigos.

      Mais instruções sobre como usar o Pacman AQUI.

Ps: Vai demorar um pouco, “maiiss” compensa viu : )

5- Criando um novo usuário

\> useradd -m -g nome_do_seu_grupo(dica pode ser users) -s /bin/bash nome do usuário

Onde esta nome_do_seu_grupo é o local onde vai ser feita a associação com seu nome de usuário para o grupo, normalmente pode ser users ou usuarios,etc…

6- Instalação do nosso primeiro programinha o SUDO

Como bens deve saber cara [email protected] o sudo dá altas permissões ao coração do sistema, coisas de ROOT  : ) , para poderes instalar a vontade programinhas e mais programinhas.

\> pacman -S sudo

7-Adicionando o nosso usuário ao Sudoers

Agora vamos editar o arquivo sudoers para que possamos dar permissões especiais ao nosso usuário.

\> nano /etc/sudoers

Bom dentro do arquivo utilizando o bom e velho nano , vamos procurar a linha para fazer a alteração, digite:

\> CTRL+W e depois digite ROOT

Vai estar escrito root ALL=(ALL) ALL abaixo dessa linha edite e escreva

nome_de_usuário ALL=(ALL) ALL , após digite CTRL+O para gravar e depois CTRL+X para sair.

 

 

Nossa como o tempo passa, amanhã tem a continuação e finalização desse tutorial , beijos e abraços 🙂 . Chovendo muito aqui ,nossa você viu o raio …

Que tal nos encontrar no SeuTubo para ver dicas, tutoriais e Reviews de placas? Canal Sistemas Embarcados

Que tal na página do Facebook?

Ou Instagram?

Quem sabe Google Plus?

Que tal no Pinterest?

Ou talvez nos encontrar no Twitter para receber as ultimas noticias quentinhas: @SEmbarcados

E não esqueça que também tem o email, [email protected]

Conheça também nossos grupos do Facebook:

Forte abraço e até o próximo embarcado.

 

 

 

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud